Tatuagens na gestação: quais são os perigos?

Image : Shutterstock
Image : Shutterstock

Durante a gravidez, as mulheres precisam ter alguns cuidados e isso envolve também as famosas tatuagens na gestação

Muitas mudanças ocorrem no corpo da mulher durante a gravidez e podemos conferir à medida que a barriga vai crescendo. Para eternizar esse momento todo especial, algumas mamães optam em realizar tatuagens na gestação para homenagear o pequeno que se desenvolve a cada mês. Porém, os médicos não recomendam que esse procedimento seja realizado no período gestacional. Listamos algumas ressalvas sobre o assunto.

Os perigos de se fazer tatuagens na gestação

Os médicos são unânimes em não recomendar essa prática durante a gestação e amamentação. Alguns perigos podem estar escondidos por traz das tatuagens, como contágio de doenças, por exemplo, se o material não for esterilizado ou descartável.

O risco maior é o da mãe de ser contaminada com vírus que causam a Hepatite B e a Hepatite C, além do HIV, causador da Aids, sendo todas essas transmissíveis ao bebê.

Além disso, o desenvolvimento da criança pode estar em perigo, já que durante a execução do processo é comum que a pressão arterial diminua e ocorram alterações hormonais. Nestes casos, a alteração severa na pressão pode diminuir a quantidade de sangue que é direcionada ao bebê, podendo atrasar o seu desenvolvimento.

Outro fator que pode causar a alteração no desenvolvimento do feto é o material (a tinta usada), que pode apresentar componentes químicos que vão direto para a corrente sanguínea.

Fiz uma tatuagem e não sabia que estava grávida, e agora?

Pode ocorrer da mulher descobrir a gravidez, após ter feito uma tatuagem. Neste caso, é recomendado que procure um obstetra e realize alguns exames para doenças como HIV e Hepatite, entre outros que ele possa vir a pedir. Essa é a melhor maneira de analisar se está ou não infectada e, se corre algum risco de transmitir para o filho.

Dessa maneira, o médico poderá dar início aos procedimentos necessários para que a doença não se desenvolva ou diminua o risco de infecção.

Recomendações para as mamães

Caso queria realizar uma tatuagem durante a gestação, procure um médico e busca suas orientações. Converse com ele e tire as dúvidas sobre os riscos para você e o seu bebê.

Depois de escolher o desenho, procure um estúdio de sua confiança e certifique-se que o material é esterilizado e descartável. Nada de usar uma agulha de outra pessoa. Converse com o profissional, ele poderá deixá-la mais tranqüila sobre como é o trabalho dele e como será feito etapa por etapa. E siga rigorosamente as recomendações de cuidados após a tatuagem.

 

Voltar